Palmares, 20 de outubro de 2021

Lançamento do Instituto Dom Henrique Soares da Costa e missas marcarão um ano da morte do bispo

16 de julho de 2021   .    Visualizações: 273   .    Notícias da Diocese

No próximo domingo (18), a Igreja recordará o primeiro ano de falecimento de dom Henrique Soares da Costa. Para homenagear o religioso, haverá celebrações especiais na Diocese de Palmares (PE), onde foi bispo por 6 anos, e na Arquidiocese de Maceió, onde teve início sua caminhada sacerdotal.

Dom Henrique morreu aos 57 anos de idade em decorrência da covid-19, após 14 dias, internado em um hospital particular, no Recife.  Seu corpo está sepultado na Catedral Diocesana Nossa Senhora do Monte, em Palmares, mata sul pernambucana.

A programação em memória de dom Henrique começa no sábado (17), às 9h, com missa na Catedral Nossa Senhora dos Prazeres, em Maceió, que será transmitida pelo canal “Dom Henrique Soares Oficial”, no YouTube. A celebração será presidida pelo amigo do religioso e bispo da Diocese de Caruaru (PE), dom José Ruy Gonçalves Lopes.

O momento litúrgico também marcará o lançamento do Instituto Dom Henrique Soares da Costa (IDHSC). O centro virtual e físico, com sede na capital alagoana, tem o objetivo de preservar a história e o legado do bispo por meio da promoção da sua produção intelectual registrada em escritos e materiais audiovisuais.

De acordo com Clara Soares da Costa, irmã de dom Henrique e diretora-presidente do IDHSC, o memorial ainda desenvolverá ações de caráter cultural, artístico, educacional, social, beneficente e assistencial. Os detalhes serão apresentados em uma live, às 20h, também pelo canal oficial no YouTube.

Por enquanto, apenas boa parte do acervo estará à disposição do público na internet pelo www.domhenrique.com.br e pelo Instagram @institutodomhenrique. “A expectativa é que o instituto venha para tornar os ensinamentos de Dom Henrique cada vez mais presentes na vida do povo de Deus”, afirma a diretora-presidente.

Homenagens em Pernambuco

No domingo (18), todas as 25 paróquias presentes nos 18 municípios que compõem a Diocese de Palmares celebrarão missas em sufrágio da alma de dom Henrique. As solenidades poderão ser acompanhadas pelos fiéis presencialmente ou pelas redes sociais conforme programação de cada comunidade.

Na segunda-feira (19), às 19h, o arcebispo de Olinda e Recife, dom Fernando Saburido, presidirá uma missa na Catedral Diocesana Nossa Senhora do Monte, em Palmares. A celebração eucarística contará com a participação do bispo auxiliar da arquidiocese pernambucana, dom Limacêdo Antonio da Silva, e do bispo emérito de Palmares, dom Genival Saraiva de França.

Também participarão do momento de sufrágio pela alma de dom Henrique, o administrador diocesano padre Norberto Penzkofer e demais membros do clero. Os fiéis poderão acompanhar pelo canal da Diocese de Palmares no YouTube.

Dados biográficos

Dom Henrique Soares da Costa nasceu no dia 11 de abril de 1963 em Penedo, Alagoas. Aos 18 anos de idade ingressou no Seminário de Maceiro e em 1984 concluiu o bacharelado em filosocia pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal).

No período de 1985 a 1989 foi noviço no Mosteiro de São Bento, na cidade do Rio de Janeiro, e no Mosteiro Trapista de Nossa Senhora do Novo Mundo.

Regressou para o Seminário de Maceió, em 1990 onde iniciou a faculdade de Teologia. No ano seguinte, foi para Roma e concluiu a Teologia na Pontifícia Universidade Gregoriana, com mestrado em Teologia Dogmática.

Foi ordenado sacerdote no dia 15 de agosto de 1992. Como sacerdote, foi reitor da Igreja Nossa Senhora do Livramento, em Maceió, de 1994 a 2009 foi professor de teologia no Seminário Provincial de Maceió e no Curso de Teologia do Centro de Estudos Superiores de Maceió. Também foi professor no Instituto Franciscano de Teologia, em Olinda (PE), e no Instituto Sedes Sapientiae, no Recife.

Foi membro do Conselho Presbiteral da Arquidiocese de Maceió, do Cabido Metropolitano e do Colégio de Consultores. Ainda foi Vigário Episcopal para os leigos e coordenador da Comissão de Formação Política e responsável pelos diáconos permanentes e pela escola diaconal arquidiocesana.

Em 1º de abril de 2009 foi nomeado pelo Papa Bento XVI como bispo auxiliar da Arquidiocese de Aracaju. Foi ordenado bispo no dia 19 de junho de 2009, por dom Antônio Muniz Fernandes, Arcebispo de Maceió. Seu lema episcopal era “In Christo Pascere” (“Apascentar em Cristo”).

No dia 19 de março de 2014, o Papa Francisco o nomeou bispo da Diocese de Palmares. No Regional Nordeste 2 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB NE2) foi presidente da Comissão Regional Pastoral para Cultura e Educação.


FacebookWhatsAppTwitter

VEJA TAMBÉM